Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h30 às 16h30. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

O que é c-commerce: entenda como ele funciona e conheça exemplos práticos 

Escrito em 15 de Junho de 2020 por Natalia Spigai

Atualizado em 07 de Dezembro de 2020

Antes do surgimento da moeda, o comércio praticado pela humanidade se baseava na troca de mercadorias e de serviços. Se essa proposta soa antiga, é porque você precisa entender o que é c-commerce! 

Para compreender este conceito e conhecer as diferenças entre e-commerce, c-commerce, s-commerce e m-commerce, basta seguir com sua leitura! 

O que é c-commerce? Entenda o conceito! 

C-commerce, também conhecido como comércio colaborativo, nada mais é do que o comércio baseado na troca de serviços que utiliza a tecnologia para integrar diferentes negócios entre empresas, parceiros, fornecedores e clientes dentro de uma comunidade comercial.

Nessa comunidade comercial, acontece a colaboração eletrônica entre parceiros. Em linhas gerais, essa colaboração ocorre com parceiros de negócios do mesmo segmento, como, por exemplo, do setor de informações e de pagamentos

Surgido nos Estados Unidos em meio a uma crise da economia, esse modelo de negócios tem como meta maximizar a experiência e gerar lucro. Assim, no c-commerce, a proposta é de que as duas pontas da negociação saiam ganhando.

Por exemplo, um designer está precisando urgentemente expandir o seu conhecimento em inglês. Para isso, ele precisa de um professor, correto? Então, ele pode trocar o seu serviço como designer para criar um blog para um professor de inglês que, por sua vez, oferecerá suas aulas como pagamento. Isso tudo acontece em um ambiente online. 

Já no segmento de marketplace, os empreendedores que possuem um negócio online se encontram com seus clientes e, assim, divulgam seus produtos, sejam eles novos ou usados, para quem está em busca deles.

Leia também: “O que é economia colaborativa: transforme sua ideia em um negócio de verdade”. 

O que é c-commerce: exemplos práticos 

Para compreender melhor o que é c-commerce, nada melhor do que conhecer exemplos práticos, não é mesmo? Vamos lá!

O site GetNinjas trabalha com essa modalidade de negócios. Para isso, a plataforma atua como uma ponte entre profissionais, serviços e clientes. 

Por exemplo, uma pessoa que esteja precisando de um serviço de assistência técnica entra no aplicativo e, logo, a plataforma indica os profissionais mais próximos a ela. Em seguida, é só aguardar, porque ela receberá os contatos e, assim, poderá analisar o melhor orçamento e custo-benefício. 

Para quem deseja oferecer seus serviços, o processo também é bem simples. Basta que o profissional complete um formulário indicando as suas funções e atividades para o GetNinjas. 

Em seguida, a plataforma enviará os possíveis contatos de pessoas interessadas para ele. Para isso, a plataforma cobra uma taxa do profissional que esteja oferecendo os seus produtos/serviços. 

O GetNinjas conta com um recurso interessante. Similar aos aplicativos de viagens compartilhadas, como o Uber, a plataforma apresenta um sistema de avaliação. Lá, as pessoas podem dar notas para os profissionais. Assim, quanto mais alta for a classificação, maiores são as chances de o profissional ser contratado. 

O vídeo, abaixo, mostra como funciona o modelo do GetNinjas: 

Para compreender melhor o que é c-commerce, vamos a mais um exemplo!

O site Enjoei é um exemplo de marketplace em que ocorre o c-commerce. A plataforma funciona como uma espécie de “toma lá dá cá”. Isto é, no site, pessoas que “enjoaram” de seus produtos os anunciam para quem está precisando deles. 

Para realizar esse intermédio, o Enjoei fica com um percentual de cada transação. 

Para compreender como vender pelo Enjoei, assista ao vídeo abaixo.


O vídeo acima fala sobre o conceito de dropshipping. Para entender melhor como ele funciona, leia: “O que é dropshipping: vantagens e vantagens de adotar esse modelo em seu e-commerce”. 

Quais são as diferenças entre e-commerce e c-commerce, s-commerce
e m-commerce

Para compreender as diferenças entre e-commerce e c-commerce, s-commerce e m-commerce, nada melhor do que explicar cada um desses conceitos, certo? Sendo assim, aqui estão eles: 

  • e-commerce: o e-commerce é uma modalidade negócio que se refere ao varejo e a compras online. Ou seja, nesse modelo, todos os produtos comercializados em ambiente físico são vendidos em um ambiente virtual;
  • c-commerce: é um modelo que também precisa da Internet para funcionar. Para tanto, há uma plataforma que conecta vendedores e compradores de mercadorias e serviços;
  • s-commerce: é uma modalidade de negócios que também acontece online só que via mídias sociais. O Facebook Marketplace é um bom exemplo de S-commerce. Lá, ocorrem transações de compra e venda de mercadorias novas e usadas por usuários da rede;
  • m-commerce: esse modelo de negócios acontece online via dispositivos móveis. 

diferença entre e-commerce e c-commerce, s-commerce e m-commerce

Crédito: Digital Hub

Neste post, você pôde compreender o que é c-commerce e também conheceu as diferenças entre e-commerce, c-commerce, s-commerce e m-commerce. O conteúdo foi útil para você? Compartilhe sua opinião!

Aliás, você conhece a iugu? Não? Pois a iugu é uma plataforma de pagamentos online que ajuda a potencializar todos os tipos de transações virtuais. Para isso, alia tecnologia com múltiplas funcionalidades para estruturar e automatizar todas as operações financeiras de seu negócio

Não importa o tamanho nem sua área de atuação. Afinal, a iugu conta com diferentes e acessíveis planos. Para saber se um deles se alinha com suas expectativas, clique aqui e converse, sem compromisso, com um dos especialistas da iugu. Ele tirará todas suas dúvidas! 

Crédito da foto de capa: Fortran House