Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h30 às 16h30. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

Débito online ou crédito: qual forma de pagamento é mais vantajosa?

O débito online ainda é uma boa opção de pagamento para você oferecer no seu e-commerce? Veja neste texto quais são as principais alternativas!

Escrito em 28 de Dezembro de 2021 por Carolina Fanin

Atualizado em 19 de Janeiro de 2022

As compras online já fazem parte da vida de um grande número de brasileiros. Segundo um levantamento do NZN Intelligence, 74% da população prefere fazer compras online.

Somente no primeiro trimestre de 2021 foram realizadas 78,5 milhões de compras pela internet, de acordo com dados da Neotrust, empresa de inteligência de mercado. Esse total representa um crescimento de 54,7% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Dentro desse universo, que já é grande, e tende a crescer ainda mais, há diversos meios de pagamento disponíveis. Os principais são o cartão de crédito, boleto, débito online e mais recentemente, o Pix.

O cartão de crédito continua sendo o mais utilizado, presente em 43% das transações online. Já o boleto é utilizado em 13% das transações na internet. Os dados são da Global Payments Report 2021/FIS.

Vantagens e desvantagens dos meios de pagamento

Todos esses métodos de pagamento possuem vantagens e desvantagens, o que ajuda a explicar a disparidade de uso pelos clientes e lojistas. 

O cartão de crédito possui diversos pontos fortes para os clientes, como a segurança na transação, a agilidade na hora de fazer um pedido e também a possibilidade de realizar parcelamentos.

Já para os lojistas, o pagamento também é seguro: o banco é o responsável pela efetivação do pagamento e ele mesmo realiza a cobrança do cliente em caso de inadimplência.

Além disso, como apontado pelas pesquisas, esse é o método mais utilizado pelos brasileiros. Por isso, aceitar esse meio de pagamento pode significar ampliar a quantidade de clientes atendidos.

Essa facilidade no pagamento, proporcionada pelo cartão de crédito, é ainda mais importante quando levamos em conta qual equipamento é mais utilizado na hora de fazer compras. De acordo com a Ipsos, 80% dos brasileiros preferem fazer compras online utilizando o smartphone. Por isso, uma boa experiência de compra é essencial.

 

+ Potencialize suas chances de conversão utilizando múltiplos meios de pagamento no seu checkout! Aproveite o desconto de 30% permanente nas mensalidades e assine agora a melhor plataforma para automatização e gestão de pagamentos!

iugu desconto

Débito online

Já o débito online funciona de maneira diferente.

Trata-se de um pagamento à vista nessa modalidade. O valor é descontado da conta do cliente, ou seja, é necessário possuir saldo (sendo cheque especial ou não).

Apesar de ser um pagamento à vista, em comparação ao cartão de crédito, o processo de compra - checkout - pode ser mais burocrático. Isso porque, para realizar o pagamento, o cliente é direcionado para o site de sua instituição financeira.

Com isso, ele precisa adicionar diversos outros dados, como senhas - e a experiência de compra pode se tornar mais complexa.

Do lado do lojista, essa pode não ser a melhor escolha, uma vez que a jornada influencia negativamente a efetivação da compra, impactando a taxa de conversão da loja virtual, e podendo até diminuir as vendas.

A frustração, gerada por novas etapas durante o processo, pode fazer com que o usuário desista da compra no meio do processo.

Veja agora uma análise de outras alternativas de pagamento além do débito automático

Boleto Bancário

O boleto bancário, no entanto, segue como uma das alternativas preferidas dos usuários.

Diferentemente do cartão de débito online, ele não possui uma jornada de compra complexa - basta gerar um documento e realizar o pagamento.

Uma das vantagens do boleto é que ele é um meio de pagamento que não depende de uma aprovação prévia de crédito dos usuários - o que pode ser uma barreira para quem deseja um cartão de crédito, mas não possui um score positivo nas instituições bancárias.

Seu ponto negativo, no entanto, é o prazo de finalização do processo de liquidação do pagamento. A validação do pagamento pode demorar até 3 dias úteis, dependendo da instituição financeira, prolongando o processo de entrega.

Pix

O pagamento via Pix é relativamente novo, tendo completado em novembro apenas 1 ano de seu lançamento.

Ele também funciona como uma modalidade de pagamento instantâneo, em que o cliente transfere recursos imediatamente para a conta do lojista.

O principal ponto positivo, nesse caso, é a agilidade no pagamento.

Assim como o débito online, ele também possui a característica do dinheiro ser descontado do saldo da conta do cliente, então ele deve, obrigatoriamente, ter o valor disponível para aquela transação.

É importante observar que a maioria das instituições financeiras colocaram limites nas transferências via Pix, em horários específicos (20h às 6h). Essas regras podem variar de banco para banco, mas geralmente são mais rígidas durante a noite, por questões de segurança.

De qualquer forma, por ser ainda novo e o Banco Central estar liberando novas funcionalidades - como mais recentemente o Pix Saque e Troco - podemos esperar ainda que esse meio de pagamento se torne a opção mais completa entre todos.

Futuramente, o Pix terá também a opção de recorrência, ou seja, como se fosse um débito automático pelo Pix. Essa opção poderá, aos poucos, ser um processo mais seguro e prático, pois a experiência do usuário tende a ser mais fácil.

E então, o que devo oferecer para o meu cliente?

Para os empreendedores, o ideal é disponibilizar sempre mais opções, considerando os métodos de pagamento mais utilizados pelo cliente - aumentando a aceitação por parte do público, que influenciará positivamente o número de vendas.

Além disso, é preciso retirar obstáculos e proporcionar uma experiência de compra eficiente e prazerosa, evitando que o cliente desista da transação durante o processo.

Em ambos os casos, o cartão de crédito se destaca - tanto pela facilidade quanto pela grande aceitação dos consumidores.

Entretanto, é importante oferecer opções complementares como o boleto e o Pix que atende pessoas desbancarizadas ou que não possuem o cartão.

Essas são apenas algumas das possibilidades que existem. Para utilizar esses recursos, é preciso contar com a ajuda de soluções tecnológicas e parceiros especializados em meios de pagamento.

Veja aqui como utilizar gateways de pagamento e implementar essa tecnologia no seu negócio.

Conheça nossos planos