Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h30 às 16h30. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

Entenda como funciona o pagamento recorrente e turbine seus negócios!

Escrito em 03 de Janeiro de 2019 por Renato Ribeiro

Atualizado em 03 de Maio de 2021

Saber como funciona o pagamento recorrente é um passo assertivo rumo ao sucesso. Afinal, esse modelo confere segurança e confiabilidade às transações do comércio online. Como resultado, os consumidores ficam mais felizes e as vendas aumentam! 

Está sem tempo de ler agora? Que tal ouvir o artigo? Experimente no player abaixo!

 

Para você ter uma ideia da força desse negócio, o relatório Mercado Americano de Pagamentos Recorrentes 2017-2021, da consultoria Research and Markets, prevê que transações recorrentes alcançarão a marca de U$ 473 bilhões até 2021. 

Para aplicá-lo e promover uma experiência de compra agradável que gere fidelização, é crucial contar com uma solução tecnologia inteligente, prática e otimizada.  Para descobrir que solução é essa e entender como funciona o pagamento recorrente, basta seguir lendo! 

Como funciona o pagamento recorrente?

O pagamento recorrente funciona como uma cobrança recorrente. Representando um vínculo duradouro entre fornecedores e consumidores, esse modelo de negócios promove pagamentos mensais previamente acordados em contrato. Vale destacar que não se trata de um parcelamento dividido em partes iguais, mas sim de um pagamento contínuo e periódico. 

Essa solução de cobrança acontece de forma simples. Por meio dela, o consumidor escolhe a sua forma de pagamento. Assim, depois de optar por boleto, cartão de crédito ou transferência, ele se compromete a cumprir seu pagamento, sob o risco de suspensão do acordo em caso de inadimplência.

Quer entender melhor como funciona o pagamento recorrente? É só continuar lendo! 

Como funciona o pagamento recorrente: entenda o contexto

O cliente atual é exigente, bem-informado e apressado. Logo, criar mecanismos que possam controlar o seu negócio e, assim, atender às expectativas desse novo consumidor é essencial. Uma das maneiras de fazer isso é proporcionando comodidade a ele, uma das principais características do pagamento recorrente. 

Ao oferecer uma solução tecnológica que promova esse modelo de negócios, a sua marca ganha autoridade e sai na frente da concorrência. 

Agora que você já entendeu como funciona o pagamento recorrente, conheça as vantagens de aplicá-lo em seu negócio! 

7 vantagens do pagamento recorrente

1.Previsão de lucro mais confiável

Ao conhecer antecipadamente o número de vendas de seu negócio, é possível prever, de maneira mais eficiente, os seus lucros. 

Por meio do pagamento recorrente, você consegue ter uma previsão do mês seguinte, devido aos contratos e às cláusulas que exigem a identificação do pagamento.

2. Garantia de receita mensal

Além do prazo de vigência, os contratos também apresentam uma receita mensal prevista. Dessa forma, garante-se a manutenção de despesas pontuais e você fica muito mais tranquilo. Logo, pode se concentrar na captação de novos clientes, aumentando a sua carteira. 

3. Aumento do controle financeiro

Apresentando valores fixos em cada parcela da mensalidade, essa solução de cobrança favorece o controle de contratos e a gestão das finanças

Logo, ao contar com um bom sistema de pagamento online, os títulos gerados para cada cliente são baixados automaticamente, o que beneficia a conciliação financeira.

4. Aumento da segurança e da facilidade para pagamentos

Uma ferramenta eficaz de gestão de pagamento online dispõe de mecanismos de segurança e um deles é o de antifraude. Por meio dele, é possível verificar as ações suspeitas, tornando a plataforma mais segura. 

As facilidades ficam por conta do checkout transparente. Assim, por meio dessa estratégia inteligente, o consumidor percebe que a sua inserção de dados pessoais, principalmente o CVV, é levada muito a sério. 

5. Suporte na gestão de cobranças recorrentes

Como o sistema de gestão oferece diversas possibilidades para pagamentos, o mesmo acontece com as cobranças

Dessa forma, o processo acontece de maneira linear, o que permite um melhor acompanhamento. Logo, com a recorrência, as datas de vencimento estabelecidas pelos clientes são visualizadas pelo sistema e arquivadas em uma memória parametrizada de identificação.

6. Redução do risco de inadimplências

Por permitir o envio programado de avisos sobre pagamentos pendentes, o cliente fica sempre bem-informado. Assim, essa prática favorece a contenção de clientes e ajuda a reduzir a taxa de inadimplência.

7. Fidelização dos clientes

Entre as maiores vantagens de saber como funciona um pagamento recorrente, a fidelização de clientes é uma das que mais que destacam. Afinal, quanto mais transparente for o relacionamento com o consumidor, maiores as chances de ele se tornar um cliente e manter a parceria. 

Entender o comportamento de compra e as necessidades e dores do cliente permite que sua loja crie estratégias de envolvimento. Dessa forma, é possível mostrar que o seu atendimento é humanizado.

Como funciona o pagamento recorrente: utilizando a tecnologia como aliada

Como já dissemos no início deste post, contar com uma parceria com expertise faz a diferença para se lançar mais agressivamente no mercado. A Iugu pode ajudá-lo bastante nessa questão. Afinal, essa empresa intermediadora de pagamentos tem autoridade no mercado. Além de oferecer soluções, ela fornece todo o suporte profissional necessário. 

Para isso, usa a inteligência tecnológica a favor do comércio online. Assim, proporciona:

  • modernidade;
  • agilidade;
  • ótimo custo-benefício.

Sem falar que conta com uma ferramenta fundamental para esse processo,  a API de pagamentos. Com ele, a base de dados é integrada de forma sistematizada, o que ajuda a reduzir os erros.  

Além disso, por meio de uma plataforma dinâmica e serviço diferenciado, oferece a parametrização das principais funções que uma boa gestão de pagamento recorrente exige. 

Assim:

  • gera e envia boletos por e-mail, 
  • flexibiliza a escolha da data de vencimento pelo cliente, 
  • configura multas e juros, 
  • promove o sigilo das informações pessoais;
  • oferece cobrança automática após o vencimento, entre outras.

O modelo de negócio com pagamento recorrente também tem perfil motivacional. Afinal, facilita o trabalho das equipes ao liberá-los da execução de tarefas manuais. Além disso, favorece a agilidade do departamento de vendas, estoque, financeiro e contábil, promovendo um ritmo cadenciado e preciso, e gerenciando relatórios reais e consistentes. 

Agora que você já sabe como funciona um pagamento recorrente e conhece as maravilhas que ele pode fazer por você, entre em contato com a Iugu! Ficaremos contentes em ajudá-lo a melhorar os seus processos internos de gestão e controle!