Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h30 às 16h30. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

Pix Saque e Pix Troco: os lançamentos mais aguardados do Pix

Duas novas funcionalidades que vinham sendo prometidas, desde maio de 2021, foram lançadas e começaram a valer em novembro: o Pix Saque e Pix Troco. Conheça mais sobre elas!

Escrito em 02 de Dezembro de 2021 por Redação iugu

Atualizado em 25 de Fevereiro de 2022

Você piscou, o Pix completou um ano de funcionamento e você, provavelmente, é uma das milhões de pessoas que já utiliza essa ferramenta de pagamentos, que já conta com mais de 364 milhões de chaves cadastradas. 

Desde o seu lançamento oficial em novembro de 2020, o Banco Central foi liberando, aos poucos, novas funcionalidades do Pix, que cada vez mais conquistava o bolso dos consumidores brasileiros.

Descubra como funcionam o Pix Saque e Pix Troco e quais são as expectativas de novos lançamentos!

O que são Pix Saque e Pix Troco?

Se você achava que o Pix já facilitava muito a sua vida, espere até conhecer melhor as novas funcionalidades!

O Pix Saque e o Pix Troco começaram a valer a partir do dia 29 de novembro de 2021, como mais uma opção para a população sacar dinheiro, além do caixa eletrônico e agência bancária.

As novas funcionalidades permitem o saque de dinheiro em espécie em estabelecimentos comerciais físicos em que o cliente já faz compras, como por exemplo: lojas, padarias e supermercados.

De acordo com Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central (BC), a novidade será disponibilizada gradualmente pela rede varejista. Então, fique de olho!

Para realizar o saque pelo Pix, basta que o cliente envie um Pix para o estabelecimento, utilizando o mesmo processo de envio de um Pix normal, a partir da leitura de um QR Code específico mostrado ao cliente ou a partir do aplicativo do prestador do serviço.

Feito isso, a loja vai repassar o valor do Pix integralmente em dinheiro para o cliente.

No Pix Troco, o processo é parecido. O cliente faz uma compra, efetua o pagamento com Pix, mas num valor superior ao das mercadorias ou serviços. O estabelecimento então, devolve em dinheiro o valor excedido.

Limites do Pix Saque e Pix Troco

O limite máximo das transações do Pix Saque e do Pix Troco é de R$ 500 durante o dia e de R$ 100 à noite, entre 20h e 6h. No entanto, os estabelecimentos terão autonomia para ofertarem limites menores, caso considerem mais seguro e adequado.

Existe também um limite de operações. Os clientes podem fazer até oito operações de Pix Saque ou Pix Troco gratuitas ao mês.

E o que o comércio ganha com isso?

Claro que a vantagem não ficaria somente do lado dos consumidores. Para incentivar os comércios a oferecerem as novas funcionalidades, o comércio que disponibilizar o serviço vai receber uma tarifa que pode variar de R$ 0,25 a R$ 0,95 por transação, dependendo dos bancos.

O pagamento será feito pela instituição financeira onde o usuário que fizer o saque tem conta.

Além de ter como vantagem o aumento da receita, o comércio que oferecer o Pix Saque e o Pix Troco também pode:

  • Atrair mais movimento para sua loja;
  • Oferecer mais comodidade para seus clientes;
  • Evitar chegar ao fim do dia com grandes quantias de dinheiro em espécie no caixa, o que gera maior segurança ao estabelecimento.

Ficou interessado em oferecer as novas funcionalidades em seu comércio? Veja como funcionará na prática!

Como o Pix Saque e o Pix Troco funcionam na prática?

Os estabelecimentos interessados em fazer parte da rede que aceitam o Pix Saque e o Pix Troco já podem fazer a solicitação ao Banco Central, com a condição de se adaptar para oferecer o QR Code vinculado aos serviços.

O portal de dados abertos do Bacen vai informar quais comércios aderiram à ferramenta.

Além disso, a nova funcionalidade será oferecida também por geolocalização. Ou seja, o consumidor poderá abrir o aplicativo do banco em que tem conta e encontrar o estabelecimento mais próximo com as opções do Pix Saque e Troco!

O que ainda está por vir do Pix

E as novidades não param por aí, ainda para dezembro de 2021 são esperados os lançamentos de novas funcionalidades como:

  • O Pix podendo ser incorporado a aplicativos como o WhatsApp e de controle financeiro, serviços, dentre outros negócios que se homologarem no Bacen como Iniciadores de Pagamentos.
  • Pix por Aproximação: consiste no uso de smartphone para pagamentos por aproximação em maquininhas de estabelecimentos.
  • Pix Offline: possibilita o uso do Pix mesmo em situações em que pagador e/ou recebedor esteja sem conexão com a internet.

Para 2022, as novidades aguardadas são:

  • Pix Garantido: garantia de pagamento que poderá facilitar parcelamentos de compras pelo Pix.
  • Débito automático no Pix: funcionalidade que facilitará pagamentos recorrentes por meio do Pix.

O que você achou de todas essas novidades?

Quer saber mais sobre o Pix e como incorporá-lo ao seu negócio? Baixe o nosso Kit Pix!

Kit-pix-lp-2 (2)