Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica, não sejam MEI e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h às 17h. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Indiquei um cliente pelo programa de Afiliados. Como eu posso consultar minha indicação?

Você pode consultar sua indicação no Painel do Indicador.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

Quero ser cliente

Confira 6 dicas de como evitar o retrabalho na equipe

Escrito em 23 de Junho de 2020 por Natalia Spigai

Você tem muitos problemas com o retrabalho? A gente sabe que isso afeta muitos negócios e que, em geral, é causado por rotinas mal estruturadas, métricas pouco claras e baixo foco no que é mais importante para a empresa.

O retrabalho impede a companhia de atingir as suas metas. Além disso, gera mais gastos operacionais e baixas taxas de produtividade. Como consequência, o negócio se torna menos competitivo e capaz de atender às demandas existentes.

Por isso, todo gestor deve estar atento a medidas que possam ser tomadas para evitar o retrabalho no ambiente corporativo. Dessa maneira, os times poderão executar as suas atividades sem riscos ou desperdícios. Continue a leitura e veja como fazer isso!

Por que evitar o retrabalho é importante?

Entre os problemas que podem afetar uma empresa, o retrabalho é um dos maiores. Ele ocorre sempre que uma atividade deve ser executada mais de uma vez. Como consequência, gera queda de produtividade e aumento dos prazos.

Afinal de contas, sempre que uma empresa precisa executar um processo duas vezes ela está perdendo dinheiro. Os seus times deixarão de atender a outras demandas. Além disso, gastarão mais para entregar um resultado.

Por isso, evitar o retrabalho no ambiente corporativo é tão importante. Em setores estratégicos, como o de gestão financeira, isso pode ser ainda mais importante: evitar que profissionais dessa área refaçam algo garante que a empresa não pague multas, consiga atender melhor às demandas de seus clientes e criar uma experiência de compra inovadora e competitiva.

Como evitar o retrabalho?

Para evitar o retrabalho, uma série de medidas podem ser adotadas. Confira as 6 mais eficientes, a seguir, e saiba como agir para ter um fluxo de trabalho com menos riscos.

1. Conte com um bom planejamento

O planejamento operacional é um dos passos mais importantes para garantir que a empresa possa executar as suas rotinas sem ter que lidar com retrabalho. Ele deve ser claro e objetivo. Além disso, precisa ser conhecido por todos os responsáveis pela sua execução.

Um planejamento de qualidade considera o perfil da empresa e as demandas externas. Também avalia a infraestrutura de ferramentas disponíveis para a execução de cada atividade. Assim, pode definir requisitos e prazos realistas e fáceis de serem alcançados.

2. Automatize processos manuais

A automação é uma das melhores formas de evitar retrabalho. Ela permite à empresa executar uma atividade com rapidez e segurança. Além disso, elimina boa parte das chances de uma falha acontecer.

A melhor forma de automatizar uma rotina é contar com o apoio da tecnologia. Soluções de controle do fluxo de pagamentos, por exemplo, podem cuidar da validação de dados e emissão de boletos automaticamente.

Ao mesmo tempo, conseguem emitir notas fiscais e calcular tributos com base nos dados mais atuais, evitando que o time tenha que refazer algo ou pagar uma multa por falha nas rotinas tributárias.

3. Invista em capacitação de toda a equipe

Uma equipe capacitada corretamente é um dos primeiros passos para evitar taxas de retrabalho elevadas. Quando os times podem atender às demandas externas com alta produtividade e qualidade, as chances de um erro ocorrer são muito menores. Mas para que isso ocorra, eles devem ter todos os conhecimentos necessários.

Portanto, não deixe de sempre capacitar a sua equipe considerando os padrões do mercado. Faça treinamentos e cursos regulares. Assim, você poderá garantir que a cadeia de trabalho sempre funcionará com um padrão uniforme.

4. Aposte em ferramentas que auxiliem de forma mais precisa o trabalho de todos os colaboradores

Soluções tecnológicas, como já apontamos, podem ser úteis para reduzir o retrabalho. E isso pode ser feito com ganhos que vão além da automação. Ferramentas de TI bem utilizadas conseguem aumentar a produtividade e o compartilhamento de dados entre setores.

Isso permite aos times trocar dados relevantes e, com isso, diminuir as chances de um erro acontecer. Afinal, todos contarão com as mesmas bases para se planejar a alcançar as metas existentes.

5. Faça uma análise de riscos

A análise de risco é uma ótima medida de gestão para otimizar o ambiente de trabalho de qualquer área. Com ela, o gestor terá uma visão abrangente sobre o que pode afetar o seu fluxo de trabalho. Desse modo, ele conseguirá tomar medidas preventivas eficazes e que atacam os pontos corretos.

Na área de vendas online, por exemplo, isso inclui itens como indisponibilidade de sistemas, falhas na emissão de documentos fiscais e atrasos nos pagamentos. Quando rastreados, esses fatores podem ser evitados com mais precisão. Afinal, todos serão treinados corretamente para tomar as ações necessárias para que eles não ocorram.

6. Mantenha uma boa comunicação

A comunicação é algo crítico para qualquer empresa. Gestores precisam sempre estar atentos ao modo como divulgam dados e metas. Afinal de contas, as suas mensagens são utilizadas pelos times para se planejar em médio e longo prazo.

Por isso, tenha uma infraestrutura de comunicação robusta e integrada. Garantindo que todos tenham acesso aos mesmos dados, o fluxo de trabalho pode ocorrer com mais agilidade. Ou seja, a empresa ficará mais alinhada em torno das mesmas metas sempre.

Como um parceiro pode ajudar a lidar com os desafios existentes?

Muitas vezes, a empresa pode adotar o apoio de parceiros especializados para ter menos problemas no seu dia a dia. Eles permitem que o negócio incorpore boas práticas e consiga se manter alinhado com os padrões do mercado. Além disso, facilitam a criação de um fluxo de trabalho mais unificado, moderno e automatizado.

Com o apoio da iugu, por exemplo, a gestão financeira da sua empresa ficará mais automatizada e ágil. Todos os processos de gerenciamento de pagamentos serão feitos com um sistema moderno e inovador, capaz de deixar você livre para focar o que importa: a prestação do melhor serviço possível para os seus clientes.

Além disso, a iugu pode ser utilizada para contornar todos os principais fatores que levam ao aumento do retrabalho nas áreas de gerenciamento de vendas, pagamento de tributos e relacionamento com o consumidor. Por isso, não deixe de verificar as funcionalidades da nossa plataforma e como ela pode ajudar você!

Ficou curioso e quer conhecer melhor a iugu? Então, entre em contato com os nossos especialistas!