Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h30 às 16h30. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

Marketing Social: por que é importante e como aplicar na sua empresa

Entenda melhor sobre o Marketing Social e como essa ferramenta pode te ajudar a conquistar novos clientes, enquanto você ajuda a sociedade!

Escrito em 08 de Novembro de 2021 por Carolina Fanin

Atualizado em 06 de Janeiro de 2022

O marketing social é uma das melhores maneiras de influenciar as pessoas a realizarem mudanças importantes para a sociedade, principalmente porque as conscientiza sobre a necessidade de determinadas transformações.

Sem tempo para ler? Que tal ouvir este conteúdo? Aperte o play!

O marketing social serve como uma excelente ferramenta de informação e divulgação sobre causas relevantes. No entanto, mudar padrões de comportamento pode não ser uma tarefa simples.

Os profissionais de marketing e as empresas precisam estar cientes das melhores práticas de aplicação deste tipo de marketing, seguindo seus conceitos e implementando-os para atingir objetivos comportamentais específicos para o bem social.

Para entender melhor, conhecer a importância do Marketing Social nos dias de hoje e saber como você pode aplicar na sua empresa, leia o artigo até o final!

O que é o Marketing Social?

O Marketing Social gira em torno da canalização de mudanças positivas na comunidade na qual a empresa está inserida, seja em âmbito local, nacional ou até mesmo internacional.

Ele é feito através de várias técnicas de marketing que são executadas para fazer as pessoas mudarem seu comportamento em relação à sociedade, sendo uma das técnicas mais poderosas para direcionar o público e torná-los conscientes de ações sociais que podem beneficiar os indivíduos e a sociedade em geral.

Basicamente, o Marketing Social gira em torno de vender o bem-estar da sociedade, defendendo causas como: segurança, conscientização ambiental, saúde pública, redução de desigualdade e também o desenvolvimento da comunidade como um todo.

Ninguém melhor do que o cunhador do termo, Philip Kotler - conhecido como “pai do marketing”  - para explicar melhor o conceito:

“Trata-se de um processo que aplica princípios e técnicas de marketing para criar, comunicar e entregar valor a fim de influenciar comportamentos do público-alvo que beneficiam a sociedade, bem como o público-alvo em si.”

Por que e como as empresas devem investir em Marketing Social?

Neste sentido, podemos entender que as pessoas estão mais engajadas com o bem estar social e, por isso, empresas que investem neste tipo de marketing acertam em cheio as expectativas desse público crescente.

Segundo uma pesquisa realizada pelo Instituto Akatu, intitulada “Rumo à Sociedade do Bem-Estar”, 50% dos brasileiros já valorizam a participação social das empresas na hora de consumir.

Entretanto, a “maquiagem social” pode ser perigosa e em muitos casos, fatal para as empresas. 

Não se engane, o público está de olho e fazer marketing social simplesmente não irá conquistar o consumidor que você deseja.

É preciso desenvolver estratégias para que a ferramenta seja bem utilizada. Para isso, você pode seguir as seguintes etapas:

  1. Identificar os valores do consumidor e da própria empresa;
  2. Mapear as causas sociais que permeiam esses valores;
  3. Escolher uma ou mais causas e dedicar-se a ela(s) com objetivos claros de curto, médio e longo prazo.

Defender, de fato, causas importantes para o seu negócio e para o seu público, é a receita para criar relacionamentos mais significativos e duradouros com os consumidores.

Exemplos de Marketing Social e quem faz

Veja alguns exemplos de empresas que praticam o Marketing Social da melhor forma e assim conquistam, cada vez mais, novos clientes e fãs de suas marcas.

Pedigree

A conhecida marca de alimentos para cães possui um marketing social totalmente voltado para seu público canino - e seus tutores -, com a campanha “Adotar é tudo de bom!”, que tem como objetivo, conscientizar a população sobre a importância da adoção de animais abandonados.

De acordo com a empresa, já são mais de 60 mil cachorros adotados e mais de 300 ongs e protetores ajudados!

Pedigree: Adotar é tudo de bom | Projeto acadêmico para a di… | Flickr

Ypê

A Ypê, marca de produtos para limpeza, em parceria com a ONG SOS Mata Atlântica, possui um projeto que informa à população sobre a importância do plantio de árvores, no intuito de diminuir os impactos ambientais, reflorestar e preservar matas e rios.

De acordo com a empresa, até 2016 já foram plantadas mais de 600 mil árvores de espécies nativas da Mata Atlântica!

SOS Mata Atlântica

McDonalds

Quem não conhece o “Mc Dia Feliz''? Iniciativa da rede de fast food que tem como objetivo reverter as vendas do sanduíche Big Mac, em determinado dia do ano, em doações à instituições que possuem como causa, o câncer infantojuvenil e a melhoria da qualidade de vida de tais crianças.

A campanha que já existe há 30 anos, segundo a empresa, já conseguiu arrecadar mais de R$ 260 milhões e ajudar diversas instituições de apoio e luta contra o câncer de crianças e adolescentes.

McDonald's começa vendas antecipadas para o McDia Feliz 2021 - GKPB - Geek  Publicitário

App Justo

O App Justo é um aplicativo de entregas que promove a melhoria nas condições de remuneração dos entregadores de delivery de São Paulo, cidade com maior movimento da categoria.

Tem como missão dar maior autonomia aos entregadores, permitindo que eles definam os valores de seu serviço de acordo com seus próprios critérios e condições - diferentemente da padronização de taxas de outros aplicativos de delivery.

AppJusto | Home

Com o desafio de empreender com uma iniciativa de impacto social, o aplicativo se estruturou com a ajuda de voluntários e aportes de investidores-anjo, assim como da iugu, que através de uma parceria, ofereceu a tecnologia flexível para o modelo de pagamentos que o aplicativo necessitava, viabilizando a criação das milhares de contas para os entregadores receberem seus pagamentos sem taxas e de forma imediata.

Agora, o aplicativo pode contar com:

  • Split de pagamentos da iugu: repasse automático de valores para entregadores, restaurantes e comissões, de acordo com os valores fixos e percentuais definidos;
  • Escalabilidade: criação de contas ilimitadas na iugu para recebimentos dos entregadores e restaurantes;
  • Múltiplos meios de pagamento para o cliente;
  • Negociação de taxas especiais para cartão de crédito e Pix;
  • Facilidade de integrar a plataforma de pagamentos e começar a rodar rapidamente;
  • API bem documentada e infraestrutura white label;
  • Gestão de pagamentos em tempo real, que gera agilidade para aprovar pedidos nos restaurantes;
  • Antecipação de recebíveis: capital de giro imediato para o negócio deslanchar.

E se você também se interessou pelo Marketing Social, saiba que o primeiro passo é escolher a causa em que você quer trabalhar e descobrir de que forma sua empresa pode propiciar mudanças efetivas para a sociedade.

Busque conhecimento e dê o primeiro passo em direção às causas sociais e a conquista do seu público alvo!

Para acessar o case de sucesso completo do APP Justo clique no banner abaixo!

App justo