Boleto bancário: o que é, vantagens e principais tipos

Escrito em 25 de Agosto de 2021 por Redação iugu

Atualizado em 13 de Março de 2024

O boleto bancário é um meio de pagamento amplamente utilizado no Brasil. Funciona como uma fatura pré-paga, permitindo que os consumidores paguem por produtos e serviços sem necessidade de conta bancária. Contém informações como valor, data de vencimento e código de barras para facilitar o pagamento em bancos, lotéricas ou online.

O boleto bancário é um documento utilizado no Brasil para realizar pagamentos. Ele é emitido por bancos, empresas ou instituições financeiras e funciona como uma forma de pagamento à vista.

Segundo dados da Febraban, no Brasil, são emitidos anualmente, mais de 4 bilhões de boletos, o que indica que, mesmo com os diversos meios de pagamento existentes, o boleto ainda é bastante popular, principalmente pela sua democratização.

Dentre as opções de pagamento disponíveis no mercado, como: dinheiro, cheque, cartão de débito e crédito, transferência e Pix, o boleto ainda ocupa uma boa posição entre os mais utilizados, principalmente entre as pessoas que não possuem contas em banco, acesso a crédito ou, ainda, aquela parcela da população que não confia os dados do seu cartão à internet - sim, elas existem! 

Mas, as vantagens não são apenas para os consumidores, a cobrança por boleto bancário é também bastante vantajosa para as empresas e os e-commerces. Isso porque o boleto pode ter taxas mais atrativas em relação às praticadas pelos cartões e também pelo fato do recebimento ser mais rápido que nas vendas no débito ou crédito. Veja neste texto quais são os tipos de boletos existentes, seus principais benefícios, como acontece a cobrança por boletos e como a solução da iugu pode ser uma excelente opção para o seu negócio!

Como funciona o boleto bancário? 

O boleto bancário é um documento que representa uma transação financeira entre a empresa e o cliente. Ao pagar o boleto, o cliente está transferindo dinheiro diretamente para a conta do emissor. 

O processo é simples: o emissor gera o boleto com o valor a ser pago e os dados da conta para onde o dinheiro será transferido, o destinatário paga o boleto em um banco ou casa lotérica, e o banco então transfere o dinheiro para a conta do emissor. Uma vez compensado, a empresa é notificada de que o pagamento foi efetuado e pode liberar os produtos ou serviços para o cliente.

Como emitir boleto bancário?

Para gerar um boleto bancário, são necessários alguns dados, como o CNPJ ou CPF do emissor, os dados da conta bancária para onde o dinheiro será transferido, o valor da transação, a data de vencimento e outras informações específicas do pagamento. 

Esses dados são inseridos em um sistema de geração de boletos, que pode ser fornecido pelo seu banco ou por uma plataforma completa de serviços financeiros, como a iugu. Após preencher os dados, o sistema irá gerar o boleto com um código de barras único e todas as informações necessárias para o pagamento.

Quais são os tipos de boletos bancários?

Existem alguns tipos de boletos para cobranças diferentes. Conheça-os e veja qual deles se adapta melhor ao seu modelo de negócio:

Boletos Avulsos

O boleto avulso é ideal para empresas que efetuam cobranças únicas. Sua maior vantagem é o oferecimento do pagamento à vista, que acontece em apenas uma única transação. Se você não trabalha com parcelamentos extensos ou cobranças recorrentes, este é o boleto certo para você!

Boletos Carnê

Diferente do avulso, o boleto tipo carnê é ideal para empresas que trabalham frequentemente com parcelamentos e cobranças recorrentes, como assinaturas e mensalidades.

Seu maior benefício é a praticidade, pois é entregue de uma vez só e conta com um sistema de agendamento, diminuindo as chances de inadimplência.

Para este tipo de cobrança, o ideal é que a empresa conte com um gerenciador de emissão de boletos, que agiliza essas transações, tornando todo o processo mais eficiente!

Quais os benefícios da cobrança por boletos?

Sabemos da importância em oferecer variedade quando falamos em meios de pagamento. Ou seja, quanto mais opções você oferecer, maiores serão as suas chances de atrair novos clientes, aumentar as suas vendas e fidelizá-los!

Entretanto, cada um destes meios possuem suas vantagens específicas. Conheça melhor quais são as vantagens em oferecer o boleto como opção de pagamento:

  • Cobrança facilitada- você pode fazer o envio do boleto por e-mail, sem precisar encontrar o cliente para faturar;
  • Inclusão - você pode alcançar clientes que não têm conta bancária nem cartão de crédito;
  • Redução de custo - operar por boletos tem custo menores, em comparação com algumas tarifas de operadoras de cartão;
  • Facilidade - cálculo facilitado de multas e juros de mora, em caso de atraso;
  • Maior controle financeiro - você controla os recebimentos de cada boleto;
  • Agilidade no recebimento - o tempo de liquidação é menor para boletos do que, em comparação, os prazos exigidos pelas operadoras de cartão, por exemplo;
  • Reduzir inadimplência - possibilidade de protesto em caso de não pagamento de mercadorias entregues ou serviços realizados;
  • Possibilidade de oferecer descontos - por ser um pagamento à vista, oferecer o desconto no boleto pode ajudar a atrair mais clientes.

Case_de_sucesso-_0AEthosX_0Adpi-1

Como é feita a cobrança por boletos

Com a ajuda de uma plataforma, o gerenciamento e emissão de boletos fica muito mais simples!

Através dela, é possível gerar boletos registrados online de forma simples, rápida e personalizada com o logo da sua empresa. Além disso,  ainda é possível acompanhar todos os seus boletos pagos, pendentes e cancelados.

Veja o passo a passo para realizar essa cobrança, da forma tradicional:

  1. Faça uso de uma conta em alguma instituição bancária ou instituição de pagamentos - como a iugu!
  2. Solicite, junto ao banco ou gerador, o serviço de emissão de boletos;
  3. Reúna os dados do beneficiário, ou seja, do recebedor da cobrança (nome completo, CPF ou CNPJ, endereço);
  4. Colete os dados do sacado, pagante do título (nome completo, CPF ou CNPJ, endereço);
  5. Aponte no documento o valor-base do produto/serviço e a data de vencimento da cobrança;
  6. Configure as regras de juros, multas ou descontos, se quiser;
  7. Realize o download do boleto, via internet banking ou plataforma de emissão de boletos;
  8. Envie o boleto bancário para o endereço físico ou virtual (e-mail);
  9. Aguarde pela compensação do documento.
  10.  Faça a baixa do valor recebido no seu sistema financeiro. 

Dica extra: esteja sempre atento às taxas cobradas pela emissão do boleto, ela pode variar dependendo do seu gerenciador! A iugu tem uma das taxas mais baixas do mercado!

Quais as regras para esse meio de pagamento?

Existem algumas regras importantes para a emissão de boletos. Primeiro, o emissor deve ter uma conta bancária e estar em dia com suas obrigações fiscais. Além disso, o boleto deve conter todas as informações necessárias para a transação, incluindo o valor, a data de vencimento e os dados do emissor. 

Esse método também está sujeito a tarifa, que variam dependendo do banco e do tipo de conta do emissor. Após a data de vencimento, o boleto pode acumular juros e multas.

Qual o cenário atual da adesão ao boleto bancário?

Apesar da crescente popularidade de outras formas de pagamento, como cartões de crédito e débito e transferências bancárias, o boleto bancário continua sendo uma opção importante para muitos brasileiros. 

Isso se deve em parte à sua simplicidade e à possibilidade de pagar em dinheiro, o que é particularmente útil para pessoas sem acesso a serviços bancários. Além disso, muitas empresas preferem boletos bancários devido a sua segurança e eficiência. Essa é uma forma de pagamento simples, eficiente e amplamente aceita.

Como garantir uma emissão de boletos eficiente

Você pode já estar convencido de que a cobrança por boletos é essencial para garantir uma boa variedade de opções de pagamento na sua loja e atender seus clientes, mas existem algumas dicas para tornar essa emissão eficiente!

Como já dissemos anteriormente, ter um gerenciador de emissão de boletos é uma excelente forma de deixar esse processo mais eficiente.

Uma outra dica é automatizar a emissão de boletos. Muitos gerenciadores oferecem essa facilidade, e ela sem dúvidas vai fazer você economizar muito tempo e dinheiro! Sem contar no maior controle que você terá do seu financeiro.

Com a iugu você tem mais vantagens

Como Instituição de Pagamento (IP), a iugu oferece muitas facilidades para quem está buscando meios de pagamentos assertivos e eficientes para sua empresa!

Além de possuir uma das melhores taxas do mercado, aqui você também encontra muitas vantagens:

  • Automação da emissão de boletos de forma simples e prática, podendo gerar milhares de boletos por minuto;
  • Boleto personalizado com a sua marca;
  • Pagamentos monitorados;
  • Baixa automática de pagamentos recebidos;
  • Agendamento de faturas;
  • Régua de cobrança por e-mail - e em breve por SMS;
  • Opção de oferecer, na mesma fatura, três métodos de pagamento: Boleto, Pix e Cartão de Crédito - diminuindo ainda mais a chance de inadimplência;

Fique de olho: Estamos trabalhando em um projeto onde a iugu passará a emitir boletos próprios, dispensando a intermediação de bancos, trazendo mais economia e agilidade em nossas transações e nas transações de nossas mais de 50 mil contas ativas!

Venha conhecer a iugu! Saiba como podemos te ajudar e selecione o plano que atenda melhor às necessidades do seu negócio!

 

Conheça nossos planos

Posts relacionados

Homem fazendo pagamento de boleto bancário online
análise de soluções de pagamento para imobiliárias