Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica, não sejam MEI e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h às 17h. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Indiquei um cliente pelo programa de Afiliados. Como eu posso consultar minha indicação?

Você pode consultar sua indicação no Painel do Indicador.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

Quero ser cliente

Conheça 5 vantagens de adotar o modelo de receita previsível

Escrito em 10 de Março de 2020 por Renato Ribeiro

Já parou para pensar em quantos negócios inovadores estão surgindo baseados em modelos recorrentes e sustentáveis de faturamento? São clubes de assinatura, serviços digitais, e-learning, entre muitas outras propostas que se apoiam na criação de uma base fidelizada de clientes e conseguem estabilidade e sustentabilidade para o seu crescimento.

Uma das estratégias que permitem tantas iniciativas nesse sentido é a aposta em modelos de receita previsível. Quer seguir o exemplo? Neste artigo, vamos mostrar como ela funciona, quais suas vantagens e por onde começar. Confira!

Como é possível apostar em receita previsível

Falar em receita previsível em mercados voláteis, como o brasileiro, parece algo difícil de ser alcançado. Mas a verdade é que o preparo para esse tipo de controle financeiro e de vendas tem muito mais a ver com a capacidade do negócio de preparar e estruturar o seu crescimento de forma sustentável.

Isso é a metodologia de receita previsível, cunhada pelo empreendedor Aaron Ross. Segundo ele, a previsibilidade vem de três pilares:

  • uma geração previsível de leads;
  • uma ponte eficiente entre marketing e vendas;
  • sistemas de venda inteligentes e integrados.

Ou seja, para ter sustentabilidade no negócio, é muito mais relevante o planejamento, o conhecimento do seu funil e da jornada do consumidor (sua persona) e um modelo prático e disruptivo de vendas.

Essas são atitudes que não exigem, a princípio, grandes investimentos, mas uma grande visão de mercado. A busca por nichos que se encaixem melhor nesse tipo de gestão e a aposta em modelos de pagamento recorrente são estratégias que qualquer empresa tem acesso com objetivos claros de seus gestores.

Essa estratégia envolve automação de marketing por meio de e-mail e redes de relacionamento, sistemas de gestão integrados de qualidade, plataformas robustas de pagamento e foco prioritário em diminuir o Churn e aumentar o LTV.

Sim, a fidelização conta muito para uma receita previsível. Para quem já trabalha com modelos de negócio recorrente, é uma oportunidade incrível para se consolidar e tornar a eficiência na gestão de metas um guia para crescimento constante.

Quais são as 5 vantagens em adotar o modelo de receita previsível

Mas por que adotar esse tipo de metodologia? Muitas vezes, o foco do modelo previsível é menos em picos de mercado e mais em uma estratégia sustentável e focada no longo prazo. Veja o que você ganha com isso!

1. Previsibilidade para o negócio

O primeiro benefício da receita previsível está em seu próprio nome: ela permite que empreendedores e diretores tenham uma visão de cauda longa para suas estratégias atuais, com uma boa noção do comportamento do negócio em médio e longo prazo.

Assim, é possível preparar-se e ajustar-se melhor a variações de mercado, como momentos de crise e explosão de demanda. Enquanto outros negócios terão que fazer grandes mudanças em sua gestão para se adequar, sua empresa navega tranquila mesmo em águas turbulentas.

2. Definição de metas de longo prazo

Para quem trabalha com vendas, é muito difícil fazer planejamentos com metas para anos à frente. Isso porque a receita é variável e não há como garantir que os recursos de hoje sejam os mesmos no futuro.

A não ser que você aposte em pagamentos recorrentes e uma estratégia de receita previsível. Com ela, você tem uma base estrutural que pode ser usada de referência para planos longos. Mesmo que o cenário mude, o caminho de evolução do seu negócio continua constante.

3. Facilidade na venda de produtos ou serviços adicionais

Se a estratégia leva a uma permanência maior do público consumindo sua marca, você tem uma base muito mais engajada para apostar em vendas complementares ao que eles já pagam.

Em negócios de e-learning, por exemplo, a base convertida pode ser trabalhada dentro de um próprio funil de remarketing, oferecendo benefícios especiais para a aquisição de produtos e serviços adicionais.

Essa mesma base pode ser utilizada para testar a resposta a novas ofertas, tornando a introdução delas no mercado mais suave e alinhada com as demandas do seu público.

4. Maior engajamento em nichos de mercado

Falamos algumas vezes aqui sobre a importância dos nichos para o sucesso de uma empresa no mercado do futuro. A metodologia da receita previsível de Aaron Ross também bate bastante nessa tecla.

A importância de nichar está na busca por um relacionamento mais longo e profundo com o cliente, aumentando seu tempo de permanência como consumidor da marca, seu LTV e a previsibilidade de seu comportamento e suas demandas.

Afinal, quanto mais próximo do seu cliente, mais fácil fica caminhar junto a ele, fazendo mudanças de estratégia que reflitam sua mudança de comportamento.

5. Maior atenção de investidores

Imagine este cenário: uma empresa que tem metas seguras de longo prazo, poucos riscos nas decisões de negócio, uma base de clientes fiel e uma previsibilidade de receita independente de mudanças no mercado.

Que investidor não quer fazer esse tipo de aposta? Empresas que implementam receita previsível são mais atraentes para aportes, pois têm mais garantia de retorno.

É uma metodologia que influencia até na transparência da gestão, dando indicadores mais claros e sua evolução ao longo do tempo. Esse tipo de estruturação para um negócio é muito convidativa para quem quer fazer parte da sua empresa.

Como começar investindo em tecnologia

Pense em tudo que falamos sobre vantagens e implementação:

  • foco em integração;
  • alinhamento de marketing e vendas;
  • uso de sistemas robustos de pagamento;
  • previsibilidade com indicadores de performance;
  • transparência;
  • criação de estratégias mais inteligentes.

O que tudo isso tem em comum? A resposta é a necessidade de contar com a tecnologia como aliada. O modelo exige muita estruturação e organização, que não podem ser conseguidas com processos manuais.

Dois exemplos disso são os ERPs, ou sistemas de gestão empresarial, e, claro, uma plataforma completa e automatizada de gestão — principalmente se a busca for por um modelo recorrente.

Portanto, adotar a receita previsível é uma junção de dois fatores: planejamento e visão de mercado para buscar o nicho certo e o público mais engajado, além do investimento certo nas ferramentas tecnológicas que vão permitir essa nova realidade.

Agora é a sua vez de entrar na conversa: como você pretende ter receita previsível na sua empresa? Como você acha que isso se encaixa na sua estratégia de pagamento recorrente? Deixe seu comentário!