Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica, não sejam MEI e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h às 17h. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Indiquei um cliente pelo programa de Afiliados. Como eu posso consultar minha indicação?

Você pode consultar sua indicação no Painel do Indicador.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

Quero ser cliente

Você sabe o que é proxy? Veja o significado desse termo

Entenda o que é proxy e sua importância para quem depende dela para trabalhar e manter-se conectado ao seu cliente

Escrito em 14 de Maio de 2020 por Patrick Negri

Você sabe o que é proxy? Utilizado para gerenciar o acesso à web, essa solução é muito importante para quem depende dela para trabalhar e manter-se conectado ao seu cliente. Afinal, ela facilita a otimização do tráfego, tornando-o mais seguro e autônomo.

O proxy pode ajudar a otimizar o acesso à web, por exemplo, melhorando o direcionamento das páginas e reduzindo a demanda por banda de rede. Ele também pode ser aplicado em sistemas de pagamento, para reduzir riscos de segurança. Assim, o acesso se torna mais confiável e robusto.

Quer saber mais sobre o tema e como ele afeta a sua conexão? Então confira, neste post, o que é proxy e os impactos de seu uso!

O que é proxy?

O proxy – ou servidor proxy – é uma solução de TI que funciona como um intermediário entre o dispositivo do usuário e os serviços de internet que ele acessa. Ele direciona o tráfego de cada aparelho por uma rota específica, a partir das configurações do usuário. Desse modo, é possível bloquear sites, gerar mais privacidade para a navegação e evitar situações de risco.

Os proxies são utilizados de diferentes maneiras. Há os de acesso gratuito, ou seja, que podem ser usados por qualquer pessoa. Existem, também, os que funcionam como intermédio entre o computador e uma rede privada e os que permitem ao aparelho acessar toda a internet, mas com um IP diferente do fornecido pela operadora.

Em outras palavras, os servidores proxy são soluções de TI que trabalham gerenciando as requisições do usuário e direcionando o tráfego a partir de regras previamente definidas. Isso será feito com ele agindo no lugar do usuário. Como consequência, os serviços web que receberem as conexões verão o IP do proxy, e não o do aparelho.

Quais são os tipos de proxy?

Além de saber o que é proxy, é importante conhecer os tipos existentes. Desse modo, você poderá fazer uma boa escolha. Confira a seguir!

Web proxy

O web proxy geralmente funciona vinculado a um navegador web. Como consequência, não há a necessidade de contratação de um aparelho ou software adicional. Esse tipo de proxy pode utilizar conexões criptografadas e não criptografadas, a depender das demandas do usuário.

Um dos problemas geralmente enfrentados com esse tipo de proxy é a exibição de conteúdos que dependem de JavaScript e plugins, como o Flash. Em muitos casos, o navegador acaba enfrentando dificuldades para lidar com páginas que se baseiam nesse tipo de elemento. Porém, esse problema tem se tornado menos frequente nos últimos anos, especialmente pela diminuição do uso de plugins, como Flash e Java, após problemas de segurança em suas APIs.

Servidor proxy HTTP

Este tipo de servidor proxy é utilizado para melhorar a qualidade da conexão. Ele faz uma análise das páginas mais frequentadas para identificar o perfil de uso da rede. Desse modo, os principais conteúdos são armazenados para diminuir a sobrecarga da rede.

Como consequência, a necessidade de fazer o download completo de uma página cairá. As páginas mais utilizadas pelos usuários serão armazenadas localmente. Dessa maneira, a performance será mantida até mesmo em momentos de pico de demanda.

Servidores proxy SSL

Também conhecido pelo termo proxy HTTPS, ele dá ao usuário a possibilidade de sempre acessar a internet com o apoio do protocolo SSL (Secure Socket Layer). Ou seja, ele garante a criptografia para todas as conexões da rede.

Esse tipo de proxy pode ser utilizado especialmente em operações que fazem uso de dados sigilosos. É o caso, por exemplo, do pagamento de compras e da transferência de dinheiro. Em ambos os casos, é crucial garantir qualidade para a conexão e confiabilidade para a troca de dados.

Que benefícios o uso do proxy traz?

Adotar o proxy no seu dia a dia pode trazer múltiplos benefícios. Confira os principais a seguir e veja como essa ferramenta traz mais qualidade para a sua conexão!

Maior privacidade

O proxy pode garantir um maior nível de privacidade para o usuário, especialmente nos casos em que a conexão é criptografada. Sempre que um pacote for enviado pelo aparelho, ele fará um caminho definido pelo software até chegar ao seu destino final. Como consequência, seus dados de navegação ficarão restritos ao acesso de mais pessoas.

A operadora, por exemplo, verá apenas que os dados foram enviados para o servidor do proxy. Já o site ou serviço web não terão como identificar a origem correta do tráfego. Afinal, o seu IP será o do serviço de proxy, e não o da sua máquina.

Aumento da velocidade da conexão

O proxy também melhora a velocidade de conexão. O uso do cache para diminuir a necessidade de downloads – por exemplo, reduz o uso da banda. Como consequência, mais pessoas podem manter-se conectadas sem perda de velocidade.

Ao mesmo tempo, o tráfego poderá ser direcionado para priorizar os serviços mais importantes da empresa, mantendo o nível uniforme de performance em ferramentas digitais.

Menor uso de banda e processamento

O uso de banda é uma preocupação de muitas pessoas, especialmente as que utilizam pacotes com limite de dados. O proxy pode auxiliar o usuário a reduzir o seu consumo, aproveitando o cache da rede para diminuir a quantidade de transferências realizadas. Sempre que uma requisição for realizada, o serviço buscará pela página no cache, e, caso ela esteja disponível, o conteúdo será exibido para o usuário sem a necessidade de um novo download.

Esse recurso também pode ser empregado para diminuir a sobrecarga dos servidores. O proxy direcionará aos usuários os conteúdos que estiverem no cache do servidor sempre que eles tentarem acessar algo que não recebeu modificações recentemente. Nos momentos de grande número de acesso a páginas como as de vendas online, isso manterá a companhia com boa capacidade de atender aos seus clientes.

Ter um acesso à web de qualidade tem se tornado algo crucial para qualquer negócio moderno. Hoje, a internet garante que companhias fiquem mais conectadas e possam manter um fluxo de trabalho flexível. Ao mesmo tempo, reduz distâncias e melhora o nível de produtividade de todos os setores.

Para que esses benefícios possam ser realmente aproveitados, saber o que é proxy é um ponto fundamental. Conhecer essa ferramenta permitirá à empresa melhorar a qualidade das suas conexões a partir do seu perfil de uso. Por isso, sempre considere o proxy um investimento estratégico para a sua empresa.

Curtiu nossa dica? Agora curta a gente no Facebook e conheça mais postagens exclusivas do nosso blog!