Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h30 às 16h30. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

Como diminuir a desconfiança em relação ao frete no seu e-commerce

Escrito em 14 de Novembro de 2019 por Rômulo Pereira

Atualizado em 02 de Agosto de 2021

Uma das grandes maravilhas de se comprar online é a diminuição das barreiras. O consumidor pode escolher produtos de milhares de lojas virtuais, das mais diferentes localidades e completar a transação com vários meios de pagamento.

 

Entretanto, quando chega a hora de ter esse produto em mãos, começa a etapa que costuma gerar o maior desconforto nos clientes: a do frete. De acordo com uma pesquisa de 2018 do site Reclame Aqui, 64% dos consumidores diz que o alto valor para as entregas é motivo para abandonar o carrinho de compras. Para 18,6% dos consultados, os longos prazos também os fazem desistir da compra online.

 

Oferecer frete grátis é apenas uma das formas de diminuir essa dor dos clientes. Todavia, nem sempre isso será viável, além de essa solução não resolver todos os problemas do consumidor. Por isso, listamos abaixo algumas desconfianças comuns e formas para amenizá-las quando você for vender online. Vamos lá?

 

  1. Será que o produto vai chegar?

Um grande empecilho para os clientes que vão comprar online em uma nova loja é a dúvida se os produtos vão realmente chegar. Isso é comum, uma vez que, infelizmente, não são tão raros assim os casos de fraude na internet.

 

Uma possível solução

Para acabar logo com a insegurança dos visitantes do seu site, você pode deixar a avaliação que outros clientes fizeram dos produtos visível. Assim, você mostra para o público que outras pessoas já compraram aquelas mercadorias. Para que isso funcione, no entanto, você deve incentivar que seus consumidores avaliem as compras.

 

Além disso, uma forma de colocar uma prova social na sua loja virtual é por meio de uma página com depoimentos e fotos de outros clientes que autorizarem. Assim, você também consegue tornar pública a satisfação das pessoas que já compraram de você e encoraja novos clientes.

 

Por fim, outra maneira de deixar potenciais consumidores mais seguros de que vão receber as compras é por meio das redes sociais. É comum que as pessoas usem essas ferramentas nas suas pesquisas e você pode usar isso a seu favor.

 

Peça que seus clientes postem Stories no Instagram quando receberem os produtos, por exemplo, e compartilhe essas publicações. Assim, outras pessoas verão que você realmente entrega as mercadorias.

 

  1. Não quero esperar todo esse tempo de entrega

Uma consequência que as facilidades da internet trouxe foi o fato de as pessoas se tornarem mais imediatistas. Assim, esperar pela chegada das compras em casa vai na contramão desse movimento.

 

Uma possível solução

Para evitar que seus clientes fiquem ansiosos demais com o prazo de entrega, você pode disponibilizar pontos de retirada para as compras. Dessa forma, você pode diminuir o tempo de espera ao levar um bom número de entregas para um mesmo local.

 

Aqui no Brasil, é possível deixar as compras em lockers — armários em locais públicos que o cliente pode abrir com um código gerado pela loja —, na sua própria loja física, se você tiver, ou no estabelecimento de algum parceiro. Dessa forma, os clientes podem ter a mercadoria em mãos num prazo menor.

 

  1. O frete é muito caro

O preço do frete também costuma afastar muitos clientes. Muitas vezes, se o produto for um pouco mais caro, mas o frete grátis, a resistência à compra diminui consideravelmente. Entretanto, fornecer essa modalidade de desconto nem sempre é possível.

 

Uma possível solução

É claro que o frete grátis ajuda, mas nem sempre os produtos te dão uma margem de lucro suficiente para fornecer a entrega sem custos para o cliente. Por isso, você deve cotar muito bem os meios de envio.

 

Para muitos lojistas online, a única opção considerada é a dos Correios. Ela deve entrar na comparação, mas não deve ser a única. Os preços e prazos de cada transportadora acabam variando de acordo com peso, tamanho do produto e distância da entrega. Dessa forma, para diferentes mercadorias, pode ser que meios de envio distintos ofereçam melhores preços e prazos.

 

Existem empresas que prestam esse serviço de cotação com diferentes transportadoras em tempo real. E a boa notícia é que é possível integrar algumas delas à sua plataforma de e-commerce. Portanto, pesquise e procure fornecer sempre os melhores meios de envio para seus clientes!

 

O frete, realmente, acaba deixando o consumidor desconfiado. No entanto, com algumas ações simples, você pode diminuir esse desconforto e alavancar as vendas do seu e-commerce!