Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica, não sejam MEI e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h às 17h. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Indiquei um cliente pelo programa de Afiliados. Como eu posso consultar minha indicação?

Você pode consultar sua indicação no Painel do Indicador.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

Quero ser cliente

TI na nuvem: entenda os benefícios para os negócios digitais

Entenda como funciona a TI na nuvem e como ela se tornou uma tendência mundial para os negócios digitais

Escrito em 13 de Maio de 2020 por Patrick Negri

Antigamente, quando dizíamos que alguém estava com a cabeça nas nuvens, isso significava que a pessoa estava delisgadona da vida real. Agora, estar na nuvem ganhou uma nova concepção, em especial quando falamos em tecnologia. A computação na nuvem se tornou uma tendência mundial, muito por conta dos benefícios econômicos que ela traz.

Mas você sabia que investir em TI na nuvem pode gerar impactos positivos que vão além da redução de gastos? Empresas que adotam essa estratégia também identificam melhorias em áreas como mobilidade, flexibilidade e nível de integração operacional. Justamente por isso, o investimento no cloud computing já é visto como estratégico por muitos negócios.

Para ajudar você a entender melhor os impactos que manter a TI na nuvem podem trazer para o seu dia a dia, preparei o texto a seguir. Continue a leitura e veja como utilizar a nuvem para atingir melhores resultados em médio e longo prazo!

Por que a sua empresa deve ficar atenta às novidades do mercado?

O mercado de tecnologia muda continuamente e em uma escala cada vez mais rápida. Todos os anos, as empresas do setor lançam novas soluções para se adaptar às necessidades dos seus clientes.

Integradas ao dia a dia do seu negócio, essas soluções auxiliam profissionais a inovar mais e a se manter competitivos. Podemos tomar como exemplo o investimento no Big Data. As tecnologias de análise de dados podem ajudar você a antecipar tendências de mercado.

Elas também abrem ao gestor uma visão mais abrangente sobre os fluxos da empresa. Em um único lugar, o usuário do Big Data pode avaliar indicadores e, com isso, otimizar os seus processos com mais qualidade.

No caso da TI na nuvem, os ganhos afetam todas as áreas da empresa. Como apontarei a seguir, o cloud computing é uma tecnologia flexível e que é integrável a várias áreas de uma companhia. Consequentemente, o seu uso permite ganhos como aumento de produtividade e, até mesmo, maior confiabilidade da infraestrutura de TI.

Mas eles vão além desses detalhes! Implementar a nuvem pode colocar a empresa à frente de seus concorrentes e, ao mesmo tempo, tornar o orçamento da área de tecnologia mais inteligente. Ou seja, você poderá ampliar o seu aproveitamento dos recursos tecnológicos e garantir alta performance no seu dia a dia.

Quais os benefícios de se investir em TI na nuvem?

Migrar a sua infraestrutura para a nuvem, como apontei, traz impactos em várias áreas da sua empresa. Veja, a seguir, alguns deles!

Mais segurança

A nuvem consegue entregar recursos avançados para os usuários, com alta segurança. O monitoramento do uso da infraestrutura é centralizado e os controles de privacidade podem ser feitos com alguns cliques. Desse modo, somente as pessoas certas terão acesso aos seus arquivos.

Facilidade de acesso a recursos

Esse benefício é interessante, especialmente, para quem investe em sistemas ou máquinas virtuais na nuvem. A atualização dos softwares é feita com mais agilidade e precisão. Todo mundo sempre trabalhará com ferramentas modernas e alinhadas com as demandas da empresa.

Mais disponibilidade operacional

A disponibilidade da infraestrutura de TI é algo crítico para o sucesso de quem depende dela. Na nuvem, os recursos são replicados entre vários servidores. Isso dá ao usuário a certeza de que ele sempre poderá utilizar os serviços quando for necessário.

Aumento da escalabilidade

Uma infraestrutura de TI escalável auxilia o negócio a sempre ter os recursos necessários para trabalhar. O cloud computing permite que o número de recursos contratados seja modificado em alguns instantes. Como consequência, o negócio evita problemas, como gargalos de performance, sem grandes dificuldades.

Redução de gastos operacionais

A redução de gastos é um dos principais benefícios que estão relacionados ao investimento em cloud computing. Os pacotes de serviços de TI na nuvem cobram apenas pelo que a empresa utiliza.

Isso gera uma redução do orçamento direcionado para a área e, como consequência, menos gastos: você não terá que investir na manutenção de infraestrutura que faz parte da sua lista de ativos, mas não utilizada.

Mais mobilidade operacional

Regimes de trabalho à distância, como os de home office, ganharam o mercado. Mas eles só acontecem quando há os recursos disponíveis para os profissionais. Adotando a nuvem, isso é possível: a empresa pode disponibilizar os serviços e dados para todos os seus setores, mesmo que as pessoas não estejam no mesmo local.

Que tecnologias podem ser migradas para a nuvem?

Agora que você já viu os benefícios de se investir em nuvem, é hora de listar as tecnologias que o seu negócio pode adotar. Afinal, além de ter uma visão sobre ganhos gerais que essa tendência traz, também é fundamental saber como ela pode ser integrada ao seu dia a dia.

Isso permite que o negócio faça um investimento mais bem direcionado e com mais capacidade de atingir os seus objetivos. Entre as tecnologias de cloud computing que uma empresa pode adotar, eu destacaria:

  • armazenamento de arquivos em nuvem, que integra times;
  • uso de softwares de gestão licenciados via SaaS, que reduz custos e melhora o acesso a recursos modernos;
  • ambientes de Infraestrutura como Serviço, que tornam o uso de ferramentas personalizadas mais dinâmico;
  • máquinas virtuais na nuvem, que dão mais segurança para o usuário de TI;
  • ferramentas de análise de dados, que ganham escalabilidade na nuvem.

Toda empresa deve investir em mecanismos para se manter competitiva. No caso da computação na nuvem, ela traz todos os ganhos de que o negócio precisa para enfrentar os desafios do século XXI: aumento de flexibilidade, inovação e mobilidade são apenas alguns exemplos.

Por isso, quando você for realizar o seu planejamento de médio e longo prazo, não deixe de considerar o investimento em TI na nuvem como uma de suas estratégias. Isso facilitará o melhor posicionamento do negócio e auxiliará a sua marca a ficar à frente da concorrência. Assim, atingir metas e garantir a satisfação do seu cliente será muito mais fácil.

Gostou das informações? Então, assine já a nossa newsletter para receber as novidades do blog direto na sua caixa de entrada!