Como otimizar cobranças em empresas de energia solar por assinatura?

Escrito em 20 de Setembro de 2023 por Lidiane Oliveira

Atualizado em 02 de Maio de 2024

A oferta de energia solar por assinatura é uma tendência que tem ganhado cada vez mais destaque, transformando a maneira como as pessoas e empresas acessam e utilizam um serviço que, antes, poderia ser inacessível.

Isso porque a assinatura de energia solar funciona como uma locação das placas solares, o que reduz drasticamente os valores do serviço, uma vez que não é necessário arcar com os custos da instalação do sistema.

Assim, esse tipo de energia torna-se mais acessível para que pessoas e empresas possam garantir uma fonte de energia mais limpa e sustentável.

Com números impressionantes de crescimento, o mercado de energia solar por assinatura é promissor no Brasil, e inúmeras empresas já despontam no segmento.  Em 2022, o Brasil contava com mais de 20 mil empresas operando no segmento da energia solar fotovoltaica, segundo dados do Portal Solar, principal marketplace de energia solar do país.

Mesmo com o crescimento promissor, as empresas de energia solar enfrentam desafios contundentes. Dentre eles, a implementação de um fluxo de cobranças otimizado e adaptado às demandas do negócio aparece entre os principais.

Neste blog post, exploraremos como funciona a energia solar por assinatura, seus principais desafios, e como a tecnologia contribui para otimizar o fluxo de cobranças em uma empresa de energia solar, à medida que abraçamos essa nova era energética.

Por que a energia solar é tendência?

O mundo passa por transformações significativas quanto o assunto é sustentabilidade. Nesse contexto, a energia solar surge como uma alternativa mais limpa e barata para empresas e residências. 

Como o próprio nome sugere, a energia solar é uma fonte renovável e infinita, uma vez que ela é proveniente da luz e do calor do sol. Assim, ela é considerada limpa e, consequentemente, sustentável, pois não emite gases de efeito estufa.

Desse modo, o segmento de energia solar tem crescido exponencialmente no Brasil. Segundo a Absolar, a energia solar já equivale a 11,6% da matriz elétrica do Brasil. Além disso, desde julho de 2022, a potência de geração solar instalada no país cresce, em média, 1 GW por mês.

Desde 2012, os investimentos em fonte de energia solar somaram R$ 125,3 bilhões, o que resultou em cerca de R$ 39,4 bilhões em arrecadação aos cofres públicos, ainda de acordo com a Absolar. 

Em cerca de 10 anos, o setor foi responsável pela criação de 750,2 mil empregos acumulados e evitou a emissão de 33,4 milhões de toneladas de gás carbônico na produção de eletricidade.

Diante dos dados e das mudanças de paradigma das últimas décadas – sobretudo em relação à sustentabilidade – o segmento de energia solar ganha força por promover uma alternativa limpa, renovável e acessível para os consumidores, uma vez que, graças aos planos de assinatura, é possível garantir esse serviço sem a necessidade de investimentos altos.

recorrência controle

Como funciona a energia solar por assinatura?

À primeira vista, o funcionamento da energia solar pode parecer algo de outro mundo. Contudo, opera de maneira simples e eficaz. 

Nesse tipo de serviço, os clientes assinam um contrato com uma empresa de energia solar e, em troca, têm acesso a uma parcela da energia gerada por um sistema solar compartilhado, o que elimina a necessidade de investir em equipamentos caros e permite que os clientes economizem desde o primeiro dia.

Os sistemas de energia solar por assinatura geralmente consistem em painéis solares instalados em locais estratégicos, como fazendas solares ou telhados comerciais. 

Assim, a energia gerada por esses painéis é convertida em créditos de energia, distribuídos entre os assinantes com base em suas necessidades e contratos. Essa abordagem compartilhada democratiza o acesso à energia solar, tornando-a uma solução sustentável e acessível para um número cada vez maior de pessoas.

Os desafios na cobrança da energia solar por assinatura

Embora o segmento de energia solar no Brasil tenha muitas vantagens e esteja em ascensão, ele enfrenta alguns desafios específicos, principalmente em relação à estruturação de um fluxo de cobranças ágil e eficaz que atenda a complexidade do negócio. 

Nesse ecossistema complexo, é necessário saber como calcular com precisão o consumo de energia de cada assinante e garantir que eles sejam cobrados de maneira justa e com transparência. 

Além disso, a gestão de pagamentos recorrentes em empresas de energia solar pode ser complicada por outros motivos, como, por exemplo:

  • Oscilações de consumo de energia: Os clientes de energia solar podem variar significativamente em seu consumo de energia ao longo do ano, o que torna a previsão de cobranças mais difícil;
  • Processos manuais e burocráticos: Muitas empresas ainda dependem de processos manuais para gerenciar as cobranças recorrentes, o que é demorado e suscetível a erros;
  • Inadimplência: A inadimplência é um problema comum quando os clientes não pagam em dia suas faturas, afetando o fluxo de caixa das empresas.

Como otimizar o fluxo de cobrança em empresas de energia solar por assinatura?

Como você viu, empresas de energia solar por assinatura enfrentam grandes desafios na hora de estabelecer um fluxo de cobrança eficaz. 

Mas a boa notícia é que a tecnologia e a automação de processos de cobrança, como a utilização de sistemas de pagamento online, facilita a administração das contas e reduz erros humanos, o que torna o processo de cobrança mais eficiente e confiável. Saiba como:

1. Medição inteligente

O primeiro passo para otimizar o fluxo de cobrança de energia solar é utilizar sistemas avançados de medição que rastreiam o consumo de energia em tempo real e ajustam automaticamente as faturas com base nesses dados, garantindo uma cobrança mais precisa.

2. Automatização de processos manuais

Automatizar as réguas de cobrança, desde o envio de faturas até lembretes de pagamento, reduzindo a dependência de processos manuais e minimizando erros, é um caminho eficaz para diminuir os gargalos nos fluxos financeiros da empresa.

3. Implementação de plataformas de pagamento online

Oferecer aos clientes a opção de pagar suas faturas online por meio de plataformas de cobranca seguras e flexíveis contribui para a fidelização, melhora da experiência e redução inadimplência de clientes. 

Isso porque uma plataforma de pagamentos online com tecnologia financeira de ponta centraliza todo o fluxo financeiro em um só lugar, agiliza as transações, garante mais segurança e reduz a burocracia dos processos, o que contribui para a eficiência e escalabilidade do negócio.

4. Meios de pagamento flexíveis e integrados

Além da tecnologia, a escolha dos meios de pagamento online adequados desempenha um papel crucial na otimização das cobranças:

  • Pagamentos recorrentes por cartão de crédito: Oferecer aos clientes a opção de fazer pagamentos recorrentes por cartão de crédito, simplificando o processo e garantindo que as faturas sejam pagas pontualmente;
  • Pagamentos recorrentes via Pix: O Pix revolucionou a forma como as transações financeiras são realizadas no país. Além de ser amplamente utilizado para pagamentos pontuais, ele também oferece vantagens significativas quando se trata de pagamentos recorrentes, já que ele é eficiente, rápido e seguro, sendo uma opção vantajosa para empresas e consumidores;
  • Pagamentos recorrentes via boleto: O pagamento recorrente via boleto bancário é uma opção amplamente utilizada para cobrar assinaturas, mensalidades e serviços recorrentes. Embora muitas vezes seja considerado tradicional em comparação com métodos de pagamento eletrônico mais recentes, ele ainda é muito utilizado por sua acessibilidade.

A otimização do fluxo de cobranças em empresas de energia solar é essencial para garantir uma operação eficiente e financeiramente sustentável. 

Dessa forma, superar os desafios das cobranças recorrentes exige uma combinação de tecnologia financeira robusta e escolhas inteligentes de meios de pagamento. 

À medida que a indústria continua a prosperar, as empresas que contam com uma plataforma de pagamentos que ofereçam soluções financeiras integradas e alinhadas às necessidades do negócio, como a iugu, estarão bem posicionadas para fornecer serviços de energia solar de alta qualidade e atender às demandas de um mercado em expansão.

A iugu é um Hub de Pagamentos completo para automatização e gestão de caixa que centraliza toda a operação financeira em um só lugar. Assim, você tem mais tempo para cuidar do que realmente importa: o crescimento do seu negócio!

Quer saber como a tecnologia da iugu pode potencializar os resultados da sua empresa de energia solar? Fale com nossos especialistas

Planos-iugu

Posts relacionados