Voltar

FAQ

Quais as formas de pagamento aceitas pelo gateway iugu?

Aceitamos boleto e cartão de crédito nacional (internacional das bandeiras Mastercard, Visa, Amex, Diners e Elo). Cartões de débito não são aceitos por questões de segurança de dados.

Quais são as categorias de negócios aceitas pela iugu?

Aceitamos diversos tipos de negócios, desde que possuam conta jurídica e não estejam classificados na lista de produtos e serviços proibidos.

O que é necessário para começar a usar iugu?

Após o contato com nossos consultores e fechamento de contrato é necessário criar uma conta iugu seguindo nossos requisitos para abertura de contas.

Qual o horário de expediente da iugu?

Nossa plataforma sempre estará no ar, o atendimento ao cliente e os saques de contas ocorrem se segunda a sexta, das 9h30 às 16h30. Entretanto, por dependência de sistemas bancários, os serviços da iugu são interrompidos em feriados. Saiba mais em nossa página de expediente.

Quais são os recursos cobrados pela iugu?

A partir do plano escolhido, os recursos são cobrados em modelo de assinatura e cobranças mensais. Se necessário, somam-se taxas de configuração inicial e tarifas variáveis. Saiba mais sobre as tarifas cobradas clicando aqui.

Em quais moedas a iugu aceita transações?

A iugu aceita transações somente em Real. No caso do uso de cartão de crédito internacional, a cobrança é também é feita em Real e a bandeira do cartão faz o câmbio para a moeda do cliente.

A iugu é homologada pelo Banco Central?

A iugu recebeu a licença do Banco Central que nos autoriza a funcionar como Instituição de Pagamentos. Publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de agosto de 2020.

Quais bancos a iugu suporta?

Para receber os pagamentos pela iugu, é preciso possuir uma conta PJ em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco Original, Banestes, Banrisul, Bradesco, BRB, BS2, C6, Caixa Econômica, Inter, Itaú, Mercantil do Brasil,Modal, Neon, Nubank, PagSeguro, Safra, Santander, Sicoob (Bancoob), Sicredi, Unicred e Via Credi.

Posso cancelar a iugu a qualquer momento?

Você deve solicitar o cancelamento da sua conta com 30 (trinta) dias de antecedência.

A plataforma pode ser utilizada por quem não é desenvolvedor?

Sim! Temos um painel facilitado onde é possível realizar a gestão financeira, cobrar seus clientes, controlar as assinaturas e acompanhar o crescimento de sua empresa.

Sua dúvida não está aqui?

Experimente a página de Ajuda e Suporte da iugu.

Voltar

Descomplique processos financeiros com a iugu!

Pix parcelado: saiba quando vale a pena utilizar

O Pix parcelado pode oferecer vantagens aos consumidores, mas é preciso ter cuidado com juros

Escrito em 11 de Julho de 2022 por Thainara Carvalho

Atualizado em 20 de Julho de 2022

O Pix é um dos meios de pagamento mais utilizados no Brasil. Após diversos lançamentos e avanços da ferramenta, algumas empresas começaram a oferecer uma outra forma de utilização do pagamento instantâneo: o Pix parcelado.

Essa modalidade chegou para completar outras inovações lançadas recentemente, como o Pix Saque e Pix troco, e representa mais uma facilidade para consumidores e empresas que desejam diversificar os seus meios de pagamento.

Apesar de facilitar a vida dos usuários e negócios, o Pix parcelado possui particularidades, e é preciso estar atento para saber quando vale a pena utilizar essa opção.

Por isso, preparamos um conteúdo para te ajudar a entender o que é o Pix parcelado, as vantagens e como utilizá-lo. Vamos lá?

Que tal ouvir esse conteúdo?

O que é o Pix parcelado?

O Pix parcelado nada mais é do que a possibilidade de parcelar compras pelo Pix. Com essa modalidade, as empresas conseguem receber os pagamentos integralmente, e os clientes contam com a opção de parcelamento na hora de fechar a compra.

No entanto, a funcionalidade ainda não é regulamentada pelo Banco Central. Sendo assim, é importante se lembrar que o órgão não definiu regras sobre a operação.

Também não há determinações que proíbam as empresas de utilizarem o parcelamento por Pix. Alguns bancos e empresas, como o Santander e o Mercado Livre, já estão disponibilizando o Pix parcelado aos usuários.

Além disso, o Pix parcelado pode ser feito de duas formas:

  • Pix parcelado com cartão de crédito: o consumidor pode utilizar parte do limite do cartão para efetivar o parcelamento via Pix;

  • Pix parcelado sem cartão: nessa modalidade, o parcelamento funciona como uma linha de crédito.

pix

Como utilizar o Pix parcelado?

Como o Banco Central ainda não definiu as regras para as transações com Pix parcelado, cada banco ou instituição financeira pode escolher como utilizá-lo. Mas, de forma geral, ele funciona da seguinte maneira: 

  • Ao realizar uma compra, o consumidor seleciona o Pix como meio de pagamento

  • Na hora de pagar, é possível escolher o número de parcelas e a data de vencimento;

  • Caso seja um Pix parcelado no cartão de crédito, a data de vencimento é a do cartão. Caso não seja, é possível escolher a melhor data para pagamento;

  • Após a efetivação do pagamento, a empresa recebe o valor integral instantaneamente. 

Quando vale a pena utilizar o Pix parcelado?

É verdade que o Pix parcelado oferece diversas vantagens para os consumidores, principalmente para aqueles que não possuem cartão de crédito

Mas é preciso ter atenção, já que a possibilidade de pagamento sem valor na conta pode levar a uma desorganização financeira. 

Isso acontece porque, diferentemente da versão tradicional – gratuita para pessoas físicas –, o Pix parcelado funciona como uma linha de crédito, que é concedida por meio do limite do cartão ou por empréstimo pessoal. 

Em ambos os casos, há cobrança de juros, e é preciso ficar atento para que não ocorra endividamento e altas taxas de juros.

Porém, em algumas situações, o Pix parcelado pode valer a pena. Saiba quando utilizar:

  • Se houver descontos para compras nessa modalidade;

  • Em situações emergenciais, como em casos de saúde, ou se não há dinheiro em conta nem acesso a cartões.

Para evitar imprevistos financeiros, a dica é manter as seguintes questões em mente antes de utilizar a modalidade:

  • Reflita se a compra é uma necessidade ou apenas um desejo, e se é possível utilizar outro meio de pagamento;

  • Verifique se há descontos para pagamentos com Pix parcelado, e se os descontos são maiores do que os juros; 

  • Organize as datas de vencimento das parcelas, e evite fazer diferentes compras no Pix parcelado;

  • Evite comprometer mais do que 30% da sua renda com dívidas.  

Pix parcelado e Pix garantido: entenda a diferença

O Pix parcelado é, na verdade, uma antecipação do Pix garantido: nova modalidade Pix do Banco Central que permite o parcelamento de compras e promete ser um forte concorrente aos cartões de crédito, já que oferece menores taxas de juros.

Com ela, os consumidores recebem uma linha de crédito, chamada de valor limite, e poderão efetuar compras parceladas ou pagamentos mesmo sem saldo na conta.

Se a data da parcela vencer e o consumidor ainda não tiver saldo disponível, o banco efetua o pagamento e o consumidor passa a ter uma dívida com o banco.

Porém, o Banco Central não anunciou uma data de lançamento para o Pix garantido, e ainda não há previsões para a chegada da funcionalidade.

Na iugu, sua empresa tem Pix pronto para usar

Como você viu, o Pix parcelado pode ser uma ótima ferramenta para as empresas que desejam oferecer diferentes meios de pagamento aos consumidores.

Por esse motivo, é importante que você esteja preparado para inovar e oferecer soluções de pagamento práticas aos clientes do seu negócio. 

Aqui na iugu, o Pix fica disponível automaticamente para todos os nossos usuários, basta que eles optem por ativá-lo. Ele pode ser usado em compras à vista ou nas faturas parceladas.

Dessa forma, você conta com muito mais agilidade nas vendas, oferece mais praticidade para os clientes e ainda ganha uma vantagem competitiva.

Então, que tal conhecer o Pix na iugu? Fale com um especialista e descubra o plano ideal para a fase do seu negócio!